quarta-feira, 26 de julho de 2017

FIQUE DE OLHO NO SUBSTRATO PARA ORQUÍDEAS

SEMPRE FICA A DUVIDA: MORANDO NO SUL, POSSO USAR O MESMO SUBSTRATO QUE UMA AMIGA QUE MORA NO NORDESTE USA?


RESPOSTA: SIM! Porém você deverá misturar o tipo de substrato que sua amiga usa com outro.

Por que você deve misturar? Simples, o substrato pode até ser o mesmo, porém o tamanho e a mistura devem ser diferentes e vou explicar o porque abaixo, de acordo com as regiões do Brasil, em relação a umidade relativa do ar.

OBS: Quando se fala em umidade para as orquídeas, temos que estar atentos a UMIDADE DO AR e não ao aumento de regas.

A umidade ideal para a maior parte das orquídeas é em torno de 60 a 80%, pois nessa faixa os processos fisiológicos das plantas são otimizados e a troca gasosa fica dentro de um padrão aceitável. Lembrem que o ar seco favorece a perda de água pela folha, fazendo com que a planta se desenvolva menos ou pare de crescer.

DICA: verifique sempre as pontas das raízes, se elas são longas e de cor viva, indica boa umidade do ar e, elas se desenvolvem melhor e mais rápido. Se a umidade for muito baixa ou excessivamente alta, as pontas das raízes ficam curtas ou secam e a planta tem dificuldade para crescer e pode desidratar.



Primeiro vamos entender o que é a UMIDADE RELATIVA DO AR - UR ( não confundir com substrato molhado ou época de chuva)


umidade relativa do ar é a relação entre a quantidade de água existente no ar e a quantidade máxima que poderia haver na mesma temperatura . Ela é um dos indicadores usados na meteorologia para se saber como o tempo se comportará (fazer previsões).  O valor da UR varia entre 0 e 100%.

Para entender melhor: quando a UR está em 100%, dizemos que o ar está saturado, o que na prática é demonstrado pelo sereno, que seria o vapor de água condensado. 

Quando a UR está em torno de 20 a 30% devemos estar em estado de alerta, pois o ar fica muito seco. Que é quando devemos usar de "artifícios" para aumentar a umidade em nosso orquidário, seja através das bandejas umidificadoras, uso de fontes, ou até molhando o chão.

Então, vamos voltar ao assunto: SUBSTRATO X UMIDADE!


Para locais com baixa UR: Substratos com secagem lenta.
Dica: dê preferência ao uso de vasos plásticos.

Para locais com UR moderada: Substratos de secagem média.
Dica: dê preferência aos vasos de cerâmica (barro).

Para locais com a UR alta: Substratos com secagem rápida.
DICA: use cachepôs, tronquinhos, placas, cascas de peroba, etc.

Para locais com alta UR e calor: Substratos de secagem rápida.


Então! Você pode usar um ou vários tipos de substratos misturados de acordo com o clima da sua região. Se muito quente e com baixa umidade do ar, opte por sfagmos(musgo), brita zero, casca de pinus pequena, chips de coco, por exemplo, pois estes vão reter mais a umidade.

E se você mora em local onde a umidade do ar é alta tem que usar um ou vários, que tenham a secagem mais rápida, como tronquinhos de madeira, casca de pinus maiores, carvão, brita 01, entre outros.

Veja os tipos de substrato em relação a secagem em:
TIPOS DE SUBSTRATO E TEMPO DE SECAGEM

DICA: Fique sempre atento ao noticiário da sua cidade quando se refere ao clima e UR, pois assim poderá oferecer às suas orquídeas o que elas necessitam.

Nenhum comentário:

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *